19 setembro 2013

Assassinato de cantor de esquerda leva povo grego às ruas

O cantor grego de rapper e hip-hop Pavlos Fissas (34, nome artístico „Killah P.) foi assassinado na última terça (17.09.13) por um radical de extrema-direita do partido grego „Goldene Morgenröte“.

 O cantor era simpatizante da esquerda e compunha textos contra o racismo.

 Os métodos da direita são sempre o mesmo, não importa o país.

 Não foi no Brasil que o blgueiro Eduardo Guimarães foi recentemente ameaçado de morte?

 Fonte:Aqui

Um comentário:

FireHead disse...

Extrema-direita ou... extrema-esquerda? O nazismo significa "nacional-socialismo" e o próprio Hitler dizia que eles, os nazis, eram socialistas. E socialismo não é de Direita, mas sim do esquerdume! O nazismo é tão extrema-esquerda como é o comunismo. Há que ter cuidado com os mitos.