22 janeiro 2013

A importância das palavras

O jornal TAZ, ( http://www.taz.de/!108866/ ) de 12/13 de janeiro de 2013, trouxe uma reportagem sobre o valor de determinadas palavras e seu peso na sociedade no contexto dos livros infantis.

 No livro “Die kleine Hexe” (a pequena bruxa) a palavra “wichsen” é usada com o significado de “polir”. Mas de acordo com o dicionário Wahrig, a palavra tanto pode significar polir, dar um tapa em alguém, como também masturbar (onanieren).

A Editora Thienemann – uma das que publica o livro – decidiu banir a palavra já a partir da próxima publicação.

A “censura” em livros infantis veio depois que o famoso livro “Pippi Langstrumpf und der Negerkönig” (Pippi Langstrumpf e o rei negro – Neger em alemão tem conotação racista)e a parte sobre o Negerbaby” foi interpretado como propagador de racismo.

Em dezembro, a ministra da Familia alemã (CDU) informou a um jornal que leria para sua pequena filha a história do “Negerkönig” com a mudança “criança de pele escura”.

Algumas editoras já deram o tom das mudanças que vem. Essa mesma historinha já foi editada com o termo “Rei dos mares do Sul” e “o escravo”.

Todas essas mudanças darão muitas discussões. O interessante é que as pessoas estão percebendo e propondo alternativas para termos carregados de preconceitos.

Agora estão sendo “caçadas” palavras com conotação sexual, tais como “wichsen”, que por sinal nem mais usada para significar “limpar” é.

2 comentários:

Anônimo disse...

Je veux commencer un blog. Comment puis-je obtenir gratuitement le trafic du site web?

EVAN DE ANDRADE disse...

Enquanto isso...

O ex-deputado Remi Trinta ainda esnobar carro de R$350, depois que sua esposa destruiu Araioses e ele o SUS

http://evandeandrade7.blogspot.com.br/2013/01/o-ex-deputado-remi-trinta-ainda-esnobar.html