18 julho 2011

Imprensa marrom não é exclusividade dos ingleses

Na Alemanha, diz o pesquisador, não existe, até agora, nenhum grupo de mídia com tamanho poder. "Temos uma lei anti-cartel muito mais restritiva e rigorosa", destaca Haller. Com essa lei, o Escritório Federal de Cartéis proibiu em 2006 a aquisição do grupo de televisão privado Pro SiebenSat1 pelo Grupo Springer, que edita o tabloide Bild, jornal de maior tiragem da Alemanha.

Leia mais na DW

Um comentário:

olhosdosertão disse...

Tudo bem companheiro? Espero que sim!

Há certo tempo venho compartilhando o endereço do seu blog em http://olhosdosertao.blogspot.com/

Gostaria que trocar links, se isto interessar a você.

Fico no aguardo de sua resposta para o e-mail professorluismoreira@gmail.com

Abraços.
Luis Moreira
Editor: http://olhosdosertao.blogspot.com/