24 outubro 2010

Abramovay afirma que Vejamente e a acusa de esconder áudio inesistente

NOTA DE PEDRO ABRAMOVAY

Nego peremptoriamente ter recebido, de qualquer autoridade da República, em qualquer circunstância, pedido para confeccionar, elaborar ou auxiliar na confecção de supostos dossiês partidários. Não participei de supostos grupos de inteligência em nenhuma campanha eleitoral. Nunca, em minha vida, tive que me esconder.

A revista Veja, na edição número 2188 de 2010, afirma ter obtido o áudio de uma gravação clandestina entre mim e um ex-colega de trabalho. Infelizmente a revista se recusou a fornecer o conteúdo da suposta conversa ou mesmo a íntegra de sua transcrição.

Dediquei os últimos oito de meus 30 anos a contribuir para a construção de um Brasil mais livre, justo e solidário, e tenho muito orgulho de tudo o que faço e de tudo o que fiz. Trabalhei no Ministério da Justiça como Assessor Especial, Secretário de Assuntos Legislativos e Secretário Nacional de Justiça, conseguindo de meus pares respeito decorrente de meu trabalho.

Apesar de ver meu nome exposto desta forma, não foi abalada minha fé na capacidade de transformação de nosso país e tampouco na crença da importância fundamental de uma imprensa livre para o fortalecimento de nossa democracia.

Pedro Vieira Abramovay
Secretário Nacional de Justiça

Um comentário:

Francisco disse...

Glória,quero aqui sugerir uma posição de ataque sobre os demotucanos.Nessa reta final deveria ser revolvido o Caso do Aborto da Monica Serra que se escondeu e não mais aparece com o maridinho fazendo campanha.O relato da ex-aluna deveria bater nesses tukanalhas.O Caso do Paulo Preto e as inúmeras CPI’s que pela maioria demotucana impediu a investigação de vários casos de corrupção no governo de São Paulo,a sociedade entre Veronica Serra e a irmã do Daniel Dantas.Inclusive deveria ser desenterrada aquela história do Livro do FHC e a CIA,e muitos outros episódios desses ultimos 16 anos do demotucanato em São Paulo e pelo Brasil.Munição da boa é que não falta.O que não pode é o PT ficar na defensiva.Tem que ir prá cima dessa corja americanizada.