28 junho 2010

É o governo Lula-Dilma bombando

Renascida, a indústria naval deve contratar gente suficiente para lotar três Maracanãs até 2014

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro - A verdadeira revolução vivida pelo Brasil na indústria naval está multiplicando empregos em terra firme. O país, que já foi o terceiro maior construtor de navios na década de 1970, viu o setor praticamente falir nas duas décadas seguintes. Hoje, os estaleiros comemoram a retomada do crescimento. O sucesso é puxado principalmente pelo setor petrolífero, impulsionado pelas descobertas no pré-sal, e também pela decisão do governo de impulsionar o transporte marítimo e fluvial, que há muito estava esquecido, substituído pelo transporte rodoviário.

Leia mais

Um comentário:

Alma Inquieta disse...

Olá Glória!

Há no meu blog um selinho que gostaria de partilhar contigo. e um post que dá a conhecer maravilhas que, certamente, irás gostar.

Um beijo e boa semana.